conecte-se conosco


Cáceres e Região

ABRAÇO PELA EDUCAÇÃO – IFMT Cáceres realiza ato em defesa da educação e contrário a bloqueio no orçamento

Publicado

Em Cáceres-MT, a comunidade interna do Instituto Federal de Mato Grosso, IFMT, Campus Cáceres – Prof. Olegário Baldo realizou na manhã desta segunda-feira (13.05) ato em defesa da educação profissional. A ação envolvendo discentes, servidoras e servidores do campus integra a mobilização nacional proposta pelas instituições que formam a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica diante do bloqueio de crédito orçamentário anunciado, no fim de abril, pelo Governo Federal.

Durante o ato foi lida a Nota Oficial do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) sobre o bloqueio do orçamento e a Nota do IFMT à Comunidade, assinada pelo reitor da instituição, professor Willian Silva de Paula, com os números e o cenário do impacto negativo do bloqueio do orçamento para Mato Grosso.

“Nós estamos aqui para unir forças e, nesse ato institucional, fortalecer a rede com a sensibilização e informações à comunidade sobre os impactos que esse bloqueio pode acarretar a nossa educação”, explicou o diretor-geral do campus, professor Salmo César da Silva, ao contextualizar as dificuldades já sofridas pela unidade com a diminuição do orçamento desde 2017 que acarretou para o campus redução em serviços como o de segurança e de pessoal de apoio. Caso vigore o bloqueio, a unidade perderá mais de 30% do orçamento deste ano com graves consequências para o seu funcionamento.

Leia mais:   Vereador é preso com armas supostamente usadas em atentado à prefeito

“Não queremos alarmar a comunidade, mas temos responsabilidades com estudantes, familiares e sociedade e precisamos sensibilizá-los e apresentarmos o cenário que estamos vivemos. Não podemos aceitar isso”, afirma o diretor.

No final do ato foi registrado o apelo da comunidade no Abraço pela Educação e o espaço aberto para a representação sindical dos servidores e servidoras do campus também apresentar agenda de mobilização contrária ao bloqueio dos recursos.

Edna Pedro  DRT RJ 5056/2001
Assessoria de Comunicação
IFMT/Campus Cáceres – Prof. Olegário Baldo
(65) 3221-2631
Comentários Facebook

Cáceres e Região

Homens são presos em MT com 215 kg de droga trazida da Bolívia

Publicado

Por G1 MT

Policiais do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) prenderam dois homens, de 24 e 29 anos, e apreenderam quase 215 quilos de drogas na região de Nova Fortuna, em Vila Bela da Santíssima Trindade, a 562 km de Cuiabá, nessa sexta-feira.

Conforme peritos que estiveram no local, foram 181 quilos de pasta base de cocaína e 33 quilos de cloridrato de cocaína.

Segundo boletim de ocorrência, os policiais realizavam patrulhamento na região quando viram quatro motocicletas.

Ao tentarem abordar os suspeitos, dois abandonaram as motos e fugiram em uma região de mata.

Os outros dois afirmaram que se tratava de um carregamento de drogas vindo da Bolívia e que receberiam um valor de R$ 300 por cada invólucro de entorpecente.

Foi feita apreensão das motocicletas e dos entorpecentes, contabilizando 178 invólucros de pasta base de cocaína e 32 invólucros de cloridrato de cocaína totalizando 210 peças.

Comentários Facebook
Leia mais:   Homens são presos em MT com 215 kg de droga trazida da Bolívia
Continue lendo

Cáceres e Região

Vereador é preso com armas supostamente usadas em atentado à prefeito

Publicado

Por: G1-MT

O vereador Jovelino Ferreira de Souza (PSD) foi preso na manhã desta quinta-feira (16) após a Polícia Civil encontrar na casa dele duas espingardas, um calibre 22 e outro calibre 28, supostamente utilizadas no disparo efetuado no domingo (12), na porta da casa do prefeito de Lambari D’Oeste, a 322 km de Cuiabá, Edvaldo Alves dos Santos.

O G1 tenta localizar a defesa do vereador e dos demais suspeitos.

Outras três pessoas também foram presas em uma operação deflagrada pela Polícia Civil em conjunto com policiais militares da Força-Tática, Polícia Militar Ambiental, e policiais da Gerência de Operações Especiais (GOE), da Diretoria de Atividades Especiais, de Cuiabá.

O vereador e outras três pessoas detidas em pontos distintos serão autuadas por posse e porte ilegal de arma de fogo. Após serem ouvidos, eles deverão ter fiança arbitrada nos valores de 3 a 5 salários mínimos.

Conforme o delegado Miguel Macário Lopes, o objetivo da operação era apreender a arma usada no disparo efetuado no domingo (12), na porta da casa do prefeito de Lambari D’Oeste, Edvaldo Alves dos Santos. O tiro foi disparado por volta da meia noite, pouco tempo depois do prefeito e a esposa, que estavam em uma festa, chegarem em casa. O tiro quebrou a porta de vidro da entrada da residência.

Leia mais:   Vereador é preso com armas supostamente usadas em atentado à prefeito

Logo que acionada, a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Rio Branco, começou a apuração e cumpriu nesta quinta-feira os mandados de busca e apreensão contra pessoas suspeitas de envolvimento no disparo.

O delegado Miguel Macário Lopes informou que o disparo tem motivação política, mas nenhuma das pessoas detidas confessaram.

As armas de fogo serão encaminhadas para a perícia.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana