Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Cáceres, Terça-Feira, 21 de Outubro de 2014
       

/Notícias
 
 
 
 
 
 

/Canais
  Versão Impressa
  Cotações
  Artigos
  Vídeos
  Galeria de imagem
 

/Expressão
  Quem somos
 

 


 

Curso no IFMT Cáceres capacita técnicos como multiplicadores para sistemas de produção agrícola sustentável
Geral - 2012-05-08 19:26:12
Curso no IFMT Cáceres capacita técnicos como multiplicadores para sistemas de produção agrícola sustentável
Foto/Divulgaçao
O Instituto Federal de Mato Grosso, IFMT, Campus Cáceres em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa realizou na última semana, no Campus do IFMT em Cáceres o I módulo do Curso de Capacitação Continuada sobre Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta e Agricultura de Baixa Emissão de Carbono no Bioma Pantanal. O curso integra ações do Programa de Produção Integrada de Sistemas Agropecuários em Microbacias Hidrográficas, PISA desenvolvido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, MAPA e do Projeto de Transferência de Tecnologias para Sistemas Integração Lavoura- Pecuária- Floresta (iLPF) desenvolvido pela Embrapa.

O objetivo é transformar a produção agropecuária convencional em tecnológica, sustentável, rastreável e com potencial para certificação a partir do desenvolvimento de sistemas agroflorestais, agrícolas e silvipastoris capazes de viabilizar o melhor aproveitamento sustentável dos recursos naturais disponíveis.

Em Cáceres, o IFMT sedia uma Unidade de Referência Tecnológica do PISA. Uma área de 14 hectares dentro do Campus da instituição que serve como escola para difusão de novas tecnologias e sistemas sustentáveis de produção. Única implantada no bioma Pantanal a URT de Cáceres deve validar ou não o sistema como unidade comparativa,  possibilitando a expansão do modelo para outros municípios e estados brasileiros

“A nossa unidade está no segundo ano de funcionamento. Temos espécies florestais e agrícolas e no final do terceiro ano vamos inserir no sistema a pecuária”, explica o coordenador de Produção e Pesquisa do IFMT, professor Luciano Romano.

Segundo o coordenador técnico estadual do iLPF, o pesquisador da Embrapa Flávio Jesus Wruck, o foco principal do fomento à sistemas de produção agrícola sustentável, pautados nos pilares econômico, ecológico ambiental, social e técnico, é mobilizar a sociedade civil e formar agentes multiplicadores dessas tecnologias. “A sociedade civil local precisa está envolvida, precisa querer, então uma das ferramentas que adotamos é a oferta de cursos como este e treinar técnicos na região para transmitir o conjunto de tecnologias aos produtores”, afirma Wruck.

O primeiro módulo do curso contou com a participação de alunos e professor da Universidade do Estado de Mato Grosso, Campus Jane Vanini em Cáceres - instituição parceira do Programa; Alunos dos cursos do IFMT Campus Cáceres de Engenharia Florestal, Florestas, Agricultura e Agropecuária e Técnicos da Secretaria Municipal de Agricultura de Comodoro e da Associação das Empresas Florestais.

Entre as temáticas, o curso abordou os fundamentos dos Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta e Programas de capacitação continuada em Integração Lavoura-Pecuaria-Floresta (iLPF) da Embrapa no Estado de Mato Grosso por meio da coordenação do pesquisador Flávio. O professor do IFMT Campus Cáceres, médico veterinário, Paulo de Barros enfatizou os desafios para produção de pastagens no Mato Grosso.

Tecnologias de produção de mudas de espécies florestais foram apresentadas no evento pelo analista da Embrapa Agrossilvipastoril, engenheiro florestal Diego Barbosa Alves Antônio. O pesquisador da Embrapa Agrossilvipastoril Maurel Behling abordou a Implantação, adubação e manutenção do componente florestal dentro da iLPF e o  professor do IFMT Campus Cáceres, Reginaldo Medeiros apresentou o resultado de  experiência de Sistemas iLPF implantados no município de Figueirópolis.

O curso contou ainda com agenda in loco na  Unidade de Referência Tecnológica do IFMT com explanações do professor Luciano Romano e alunos do IFMT bolsistas do projeto sobre a implantação e manejo das lavouras e das espécies florestais dentro da iLPF nos anos agrícolas 2010-11 e 2011-12. Durante a visita o analista da Embrapa  Diego Barbosa e o pesquisador Maurel Behling destacaram as principais características e funções das espécies florestais implantadas dentro da iLPF.

Por: Assessoria

 

Voltar
Versão impressa
Enviar para amigo
Comentar notícia


 + Geral

/comentar a notícia /comentários
Nome:
Campo requerido.
Comentário:
Você tem   caracteres para fazer seu comentário.
Campo requerido.Número de caracter excedido.
Digite o texto da imagem ao lado:
 
AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Expressão. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Jornal Expressão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Página inicial - Quem Somos - Fale conosco
Busca:
2010 © - Todos os direitos reservados - Jornal Expressão